sexta-feira, setembro 30, 2011

Um único Mediador

Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.

O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.
1 Timóteo 2:5-6

quinta-feira, setembro 29, 2011

Não pense em bobagens!


Um único caminho

E jamais me lembrarei de seus pecados e de suas iniqüidades.

Ora, onde há remissão destes, não há mais oblação pelo pecado.
Hebreus 10:17-18

Você é importante para mim

Você é importante para mim. Você corre, almoça. trabalha, canta, chora, ama. Você sorri, mas nunca me chama. Você se entristece, mas depois se se acalma, e nunca me agradece. Você caminha, sobe e desce escadas, e nunca se preocupa comigo. Você tem tudo e não me dá nada. Você sente amor, ódio, sente tudo, menos a minha presença. Você tem os sentidos perfeitos, mas nunca os usa por mim. Você estuda e nçao me entende, ganha e não me ajuda, canta e não me alegra. Você é tão inteligente, mas não sabe nada sobre mim. Você reclama dos meus tratos, mas não valoriza o que eu faço por você.

Você está triste e me culpa por isso, mas quando está alegre não me deixa participar de sua felicidade, você conhece muita gente importante, mas não conhece a mim que o considera muito importante. Você faz o que os outros ordenam, mas não faz o que lhe peço com humildade.

Você entende todas as transações do mundo, mas não entende minha mensagem. Você reclama tanto da vida, mas não save quie a minha vida é triste por sua causa.
Você baixa os olhos quando um superior lhe fala, mas não levanta esses mesmos olhos quando eu lhe falo com amor. Você defende seu time, seu ator, mas não me defende no meio de seus amigos.

Eu sou alguém que todos os dias bate à sua porta e pergunta: "Tem lugar para mim na sua casa, na sua vida, no seu coração?".

Eu estou presente nestas linhas que você por curiosidade começou a ler, eu sou Jesus Cristo!

Quero que você me aceite como seu Amigo, seu Salvador, seu Senhor!
Autor Desconhecido

"Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo." Apocalípse 3:20

"Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora." João 6:37

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei." Mateus 11:28

quarta-feira, setembro 28, 2011

Jesus, irresistível amor


Um único caminho

E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos.
Atos 4:12

terça-feira, setembro 27, 2011

Temos praticado o que Jesus manda?

"O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei."João 15:12

Na última noite que Jesus passou com seus discípulos, antes de ser morto, Ele deu a eles um importante mandamento. "O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei." (João 15:12)."Porque esta é a mensagem que ouvistes desde o princípio: que nos amemos uns aos outros."(1 João 3:11). "Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade."(1 João 3:18). Esses textos nos induzem a uma séria reflexão. Será que temos cumprido esse mandamento do Senhor? Mas, de fato, o que é amar de verdade?

Amar de verdade é socorrer o irmão em suas necessidades (I João 3: 17); é tratá-lo com cordialidade (Romanos 12: 10). Jesus foi o maior exemplo de amor fraternal, Ele torm
nou-Se servo a nosso favor (Filipenses 2:7); deu-Se a Si mesmo por nós, a fim de remir-nos de toda iniquidade (Tito 2: 14); levou em Seu corpo os nossos pecados sobre a cruz (I Pedro 2: 24; Romanos 5: 6); compadeceu-Se de nossas fraquezas (Hebreus 4:15); exerceu paciência para com os nossos pecados (II Pedro 3:9); deu-nos plenitude de vida (João 1:9); preparou-nos um lugar para estarmos com ele (João 14:2).

Nisso se conhece quem é o verdadeiro discípulo. Amar o irmão é caminhar ao lado dele e com ele nas provações da vida, assistindo-o material e espiritualmente. Às vezes não sdabemos o motivo porque o Senhor não atende os nossos pedidos. Mas é juistamente porque não temos amado de verdade os nossos irmãos e não temos feito o que é agradável aos olhos de Deus. Amar o irmão é uma ordem, um mandamento coletivo, ou seja, para todos os discípulos de Jesus.

Que Deus nos abençoe e nos ajude a cumprir os Seus mandamentos.

Extraído Meditação Rev. Clemilton Alves de Melo

Amar sem reservas


Amados, vamos amar uns aos outros. I João 4: 7 e 8


Um único caminho

Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.
João 14:6

segunda-feira, setembro 26, 2011

A vida Cristã


Certamente já ouvimos, muitas vezes, essa declaração: vida cristã autêntica. Mas o que ela quer dizer? Será que uma vida cristã autêntica significa estar na igreja todos os dias? Praticar boas obras? Ser temente a Deus? Para o verdadeiro cristão essas coisas também fazem parte de sua vida. No entanto, uma vida cristã autêntica está acima daquilo que nós imaginamos e ela pode ser vivida ou alcançada nessa terra. Não é algo inalcançável ou um estilo vivido apenas por Cristo. Afinal, o estilo cristão denota exatamente isso: !Pequenos Cristos". Ser um imitador ou ser parecido com Cristo ao ponto de obedecer tudo quanto Ele pregou. Isso aconteceu no passado com as primeiras pessoas que decidiram seguir Seus ensinamentos.

Atos 11: 26 diz que, após os discípulos passarem todo um ano em Antioquia, eles foram, pela primeira vez, chamados "cristãos".

Quanto mais temos intimidade com Cristo através da Sua Palavra, comunhão e oração, mais nós vamos imitá-lO.

Que Deus nos ajude a exaltar, cada vez mais, o bom perfume de Cristo,

Extraído Meditação Rev. Clemilton Alves de Melo.

Intimidade - Nívea Soares


Licença para Trabalhar


Um único sacrifício pelos pecados

O qual não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano.
1 Pedro 2:22

domingo, setembro 25, 2011

Identifique-se

Nos dias de hoje todo o mundo anda carregando catazes: donas-de-casa, religiosos, estudantes, de modo que nos tornamos uma geração de protestantes, marchadores, reivindicadores.

Isso remonta à nossa necessiade de expressar nossos pontos de vista pessoais. E, talvez nenhum grupo sinta essa urgência com mais força que os estudantes.

Muitas ideologias se nos deparam neste mundo moderno de mudanças, desafios e conflitos. Nós reagimos nos identificando com os "prós" e os "contras" dessas questões. e espantoso quanto, quanto tempo, energia e interesse canalizamos para cada uma dessas questões nos dias de hoje.

Mas há uma questão imperativa acima de todas as outras que eu e você deveríamos considerar seriamente. É uma questão que eu e você deveríamos considerar seriamente. E uma questão sobre a qual ninguém pode permanecer neutro.

A questão é: "O que você fez com Jesus Cristo?" Essa questão exige um compromisso para toda a vida. Repudiá-lo é negar o Filho de Deus.

Jesus disse: "Quem não é por mim, é contra mim" Mateus 12: 30

Porque não dedicar a vitalidade e a utilidade de sua vida à Única Pessoa que pode dqar verdadeiro significado, propósito e direção à sua vida?

A promessadele é: "Eu vim para que tenham vidae a tenham em abundância" João 10:10

Peça a Jesus Cristo que assuma a direção de sua vida.

Identifique-se com Cristo agora, aceitando-o como seu Salvador!

Extraído - Sociedade Brasileira de Folhetos

Um único sacrifício pelos pecados

E andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave.
Efésios 5:2

A MORTE


sexta-feira, setembro 23, 2011

Experiência com Deus

Isaías 6: 1 a 8

A experiência com Deus pode ser alcançada se tivermos um relacionamento íntimo com Ele. O profeta Isaías passou por esta experiência porque reconheceu seus pecados e fraquezas (incluindo a convivência com pessoas erradas). Para que possamos experimentar esta graça, também precisamos estar sempre diante de Deus e assumirmos nossa dependência pedindo perdão pelos nossos pecados.

Só depois de purificados podemos comptemplar a glória de Deus. A experiência do profeta Isaías foi diferente das que vemos hoje. Deus falou no passado de muitas maneiras, diz a Bíblia. Hoje, ele nos fala através da Sua Palavra.

Muitos ainda não tiveram uma experiência com DEus. Se você está  entre estes, o aconselhado é orar: "Deus Todo-Poderoso, quero ter uma experiência real contigo, em nome de Jesus". Faça isto com fé, sem  duvidar, pois, "sem fé é impossível agradar a Deus".

Que Ele nos abençoe.

Extraído Meditação Rev. Clemilton Alves de Melo

Um único sacrifício pelos pecados

"Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito;"
1 Pedro 3:18

quinta-feira, setembro 22, 2011

4 coisas que Deus quer que você saiba


Você precisa ser salvo
Se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus (João 3:3). Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus (Romanos 3:23). Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto, quem o conhecerá? (Jeremias 17:9).



Jesus já tomou providências para a sua salvação


Pois também Cristo morreu, uma única vez, pelos pecados, o justo pelos injustos, para conduzir-vos a Deus (I Pedro 3:18). Porque Deus amou ao mundo de tal maneira, que deu o seu Filho unigênito para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna (João 3:16).

Você não pode salvar a si mesmo

Não por obras de justiça praticadas por nós, mas segundo sua misericórdia, ele nos salvou (Tito 3:5). Há caminho que ao homem parece direito, mas ao cabo dá em caminhos de morte (Provérbios 14:12). Respondeu-lhes Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim (João 14:6).



Jesus capacitará você a vencer a tentação

Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel, e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento (ICoríntios 10:13).  Se alguém está em Cristo, é nova criatura, as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas (II Coríntios 5:17).

Faça-o Agora...


Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto (Isaías 55:6). Eis agora o dia da Salvação (IICoríntios 6:2).

Lembre-se...

Cada um de nós dará contas de si mesmo a Deus (Romanos 14:12). Aos homens está ordenado morrerem uma só vez e, depois disto, o juízo (Hebreus 9:27), mas quem crê nele (Deus) não entra em juízo (João 5:24).

Sua parte...


Crer - crê no Senhor Jesus, e serás salvo (Atos 16:31).

Arrepender-se (dar as costas ao pecado) -
Se porém, não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis (Lucas 13:3).

Confessar o seu pecado a Jesus - Se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo (Romanos 10:9).

Estando convencido de que sou um pecador, e sabendo que Cristo morreu pelos pecadores, eu agora aceito a Jesus como meu Salvador, e com a Sua ajuda pretendo confessá-lO diante dos homens.

Sociedade Brasileira de Folhetos

quarta-feira, setembro 21, 2011

As boas obras podem salvar?

Embora pareça estranho, ainda há algumas pessoas que crêem que as suas boas obras irão salvá-las, ou pelo menos ajudarão e salvá-las.

"Faço o melhor que posso", dizem-nos elas, e pensam que é o suficiente. Honestamente, é de se admirar de onde eles tiraram essa idéia; certamente não foi da Bíblia.

Muitas pessoas estarão ainda alegando o valor das suas obras no Dia do Juízo, mas tudo será em vão, pois Jesus diz: 

"Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! porventura , não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então lhes direi explicitamente: Nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniquidade."(Mateus 7:22 e 23)

O que é que Deus diz?

"Sabendo, contudo, que o homem não é justificado por obras da lei, e, sim, mediante a fé em Cristo Jesus, [...] pois por obras da lei ninguém será justificado"(Gálatas 2:16).

"Não por obras de justiça praticadas por nós, mas segundo a Sua misericórdia ele nos salvou"(Tito 3:5).

"Se a justiça é mediante a lei, segue-se que Cristo morreu em vão"(Gálatas 2:21). Em outras palavras, se nossas boas obras nos pudessem salvar ou, mesmo ajudar a nos salvarmos, então Cristo teria morrido em troca de nada, e o Seu sacrifício teria sido inútil e desnescessário.

Como somos salvos?

"Porque pela graça sois salvo, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus;não de obras, para que ninguém se glorie"(Efésios 2: 8 e 9). "E se é pela graça, já não é pelas obras"(Romanos 11:6).

"Mas ao que não trabalha, porém crê naquele que justifica ao ímpio, a sua fé lhe é atribuída como justiça [...] a quem Deus atribui justiça, independentemente de obras"(Romanos 4:5 e 6).


Que caminho maravilhoso e glorioso de salvação! Em seu grande amor, o Senhor Jesus Cristo foi até a cruz e entregou a Sua vida imaculada por pecadores iníquos como nós! E agora Ele está pronto para salvar e transformar a sua vida no momento em que você vier a Ele e colocar a sua confiança no Seu sacrifício por você. Então, a sua fé "lhe é atribuída como justiça".

Ele lhe dá a Sua perfeita justiça, por causa da sua fé e confiança n'Ele.

Sim, eu quero confiar no Salvador

Creio que Deus está falando a mim através da Sua Palavra, a Bíblia. Reconheço que pequei contra Ele. Mas creio que ele me amou e enviou o Senhor Jesus Cristo para morrer pelos meus pecados, mas que Ele também ressuscitou e vive hoje. Portanto, agora mesmo eu voluntariamente entrego-me todo a Ele, e recebo a vida eterna. Com a Sua ajuda eu O confessarei diante dos homens.

Sociedade Brasileira de Folhetos

quinta-feira, setembro 15, 2011

Ansiedade, quando o futuro parece sombrio

Ansiedade é uma das doenças mais democráticas da nossa geração. Atinge pobres e ricos, jovens e velhos, doutores e analfabetos, cristãos e ateus. Ansiedade é ocupar-se com um problema que ainda não está acontecendo. É sofrer antecipadamente. É deixar de viver de forma plena hoje com medo do amanhã. A ansiedade é o estrangulamento da alma, a asfixia das emoções, o cárcere da esperança.

Vamos examinar três pontos importantes: em primeiro lugar, as causas da ansiedade. Destacaremos algumas: Primeiro, a fraqueza inerente de nossa natureza humana. Somos absolutamente dependentes. Somos extremamente fracos e vulneráveis. Podemos ser vencidos por um vírus ou uma bactéria menor do que um cisco. Segundo, as circunstâncias adversas. Não conhecemos o futuro nem administramos as circunstâncias à nossa volta. As rédeas da nossa vida não estão em nossas mãos.

Estamos sujeitos às intempéries e vicissitudes da vida. Terceiro, os relacionamentos turbulentos. As pessoas nos fazem sofrer mais do que as circunstâncias. As pessoas nos decepcionam e nós decepcionamos as pessoas. Quarto, o cuidado com as coisas materiais. Ficamos ansiosos acerca do que havemos de comer, beber ou vestir. A preocupação com as coisas materiais nos consome e torna nosso futuro sombrio.

Em segundo lugar, a natureza da ansiedade. A ansiedade não é apenas uma doença, mas sobretudo, um pecado. A ansiedade é inútil, pois não podemos alterar as circunstâncias pelo fato de ficarmos ansiosos. Na verdade, por mais ansiosos que estejamos não podemos acrescentar um dia sequer à nossa vida. A ansiedade é prejudicial, pois em vez de nos ajudar a resolver os possíveis problemas do amanhã nos enfraquece para enfrentar os reais problemas do hoje.

A ansiedade é ainda um sinal evidente de incredulidade, pois aqueles que não conhecem a Deus é que se preocupam com o que vão comer, beber ou vestir. Nós devemos buscar em primeiro lugar o reino de Deus e sua justiça, sabendo que as demais coisas nos serão acrescentadas. Ficamos ansiosos porque duvidamos da fidelidade de Deus e pensamos que podemos administrar nossa própria vida.

Em terceiro lugar, a cura para a ansiedade. O apóstolo Paulo diz que não devemos andar ansiosos de coisa alguma. A solução que ele apresenta é enfrentarmos a ansiedade com adoração, petição e ações de graças. Adorar a Deus é proclamar quem Deus é. Pedir a Deus é confiar no que Deus dá e dar graças a Deus é anunciar o que Deus faz. A maioria dos nossos problemas decorre do fato de não conhecermos suficientemente a Deus.

O profeta Daniel diz que o povo que conhece a Deus é um povo forte. Se Deus alimenta os pássaros do céu e veste os lírios do campo, quanto mais ele é poderoso para cuidar dos seus filhos! Em vez de vivermos dominados pela ansiedade, devemos experimentar a paz de Deus que excede todo o entendimento. Nosso coração é um território que jamais fica vazio. Está sempre cheio de alguma coisa.

Será povoado pela ansiedade ou repleto de paz. Se tentarmos atrair para nós todo o cuidado da nossa vida, seremos vencidos pela ansiedade, mas se depositarmos aos pés do Senhor toda a nossa ansiedade, seremos inundados pela paz de Deus, a paz que excede todo o entendimento.

A ansiedade é uma doença e um pecado. Para a doença tem cura; para o pecado tem perdão. Não precisamos viver estrangulados hoje, sufocados pelo medo do amanhã. Podemos experimentar o melhor de Deus hoje, sabendo que o futuro nos reserva bênçãos ainda maiores. Nossa vida não é um barco à deriva no mar da vida, mas uma nau governada pelo Senhor, que mesmo navegando por águas revoltas e assolada por tempestades, chegará salva e segura no porto destinado por Deus, nas praias áureas da eternidade.

Reverendo Hernandes Dias Lopes
Diretor executivo da LPC

quarta-feira, setembro 14, 2011

UM PECADO QUE DEUS ABOMINA

“[...]o que semeia contendas entre irmãos.” 
Pv 6.19

Novamente a língua é tema de sérias advertências em Provérbios. Dos sete pecados descritos no capítulo 6.16-19, três deles estão relacionados ao mau uso das palavras. Contudo, há um pecado que para Deus é abominável. Frequentemente cometido por aqueles que querem ver “o circo pegar fogo”. Mas Deus não suporta quem tem prazer em destruir a comunhão entre irmãos. Jesus chega a dizer que “melhor fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho, e fosse atirado no mar, do que fazer tropeçar a um destes pequeninos” (Lc 17.2).

A comunhão da igreja é dádiva de Deus e, por isso, deve ser preservada (Ef 4.3). A união dos cristãos é consequência da obra redentora de Jesus. Ou seja, um preço muito alto foi pago para que nos tornássemos um só corpo. E ninguém tem o direito de semear discórdia num solo onde reina a paz de Cristo. O salmista diz: “Oh! Como é bom e agradável viverem unidos os irmãos! [...] Ali, ordena o Senhor a sua bênção e a vida para sempre” (Sl 133.1,3). O mundo precisa de pacificadores, de promotores da paz, de construtores de pontes e não cavadores de abismos.

Ore

Pai, sinto que tenho sido pedra de tropeço entre pessoas queridas por causa daquilo que falo. Peço-te perdão e clamo para que me ajudes a ser um reconciliador. Em nome de Jesus. Amém.


Extraído Cada Dia | 14 de setembro de 2011

Mais Forte - Livres para Adorar

sábado, setembro 10, 2011

Pra que outros possam viver - Ministério Livres para Adorar - Mensagem

quinta-feira, setembro 08, 2011

Série Cada Dia - Encorajados a Vencer


Extraído Cada Dia Julho/2011

quarta-feira, setembro 07, 2011

Série Cada Dia - Quebrantamento


Extraído Cada Dia Julho/2011

Série Cada Dia - Encorajamento à Fidelidade


Extraído Cada Dia Julho/2011

terça-feira, setembro 06, 2011

Ouvir uns aos outros


Série Cada Dia - Encorajados a Servir


Extraído Cada Dia Julho/2011

segunda-feira, setembro 05, 2011

Série Cada Dia - Encorajando a Ser Ovelha


Extraído Cada Dia Julho/2011

domingo, setembro 04, 2011

Pobres


Série Cada Dia - Encorajando a Ofertar


Extraído Cada Dia Julho/2011

sábado, setembro 03, 2011

Jesus Fez!


Série Cada Dia - Encorajando Empreendedores


Extraído Cada Dia Julho/2011

sexta-feira, setembro 02, 2011

Igreja é Gente e não Lugar!


Série Cada Dia - Encorajando o Amor


Extraído Cada Dia Julho/2011

quinta-feira, setembro 01, 2011

Série Cada Dia - Passando por Provações


Extraído Cada Dia Julho/2011