terça-feira, novembro 20, 2012

Amazing Grace - Maravilhosa Graça

Diz o historiador: Eu costumava pensar que o hino favorito da América "Amazing Grace" estava um  pouco ultrapassado, mas acabei descobrindo a impressionante história do autor:

Em torno de 1750, John Newton era o comandante de um navio negreiro inglês. Os navios fariam o primeiro percurso de sua viagem da Inglaterra, quase vazios, até que chegassem na costa africana.

Os chefes tribais entregariam aos europeus as "cargas", compostas de homens e mulheres capturados nas invasões e nas guerras entre as tribos.

Os compradores selecionariam os espécimes mais finos, e os comprariam em troca de armas, munição, licores e tecidos.

Os cativos seriam trazidos à bordo e preparados para o "transporte". Eram acorrentados abaixo das plataformas para impedir suicídios e colocados lado a lado, para conservar o espaço, em fileiras uma após outra, até que a embarcação estivesse carregada normalmente com até 600 "unidades" de carga humana.

Os capitães procuravam fazer uma viagem  rápida, esperando preservar ao máximo a sua carga. Contudo, a taxa de mortalidade era alta, normalmente 20% ou mais. Quando um surto de disenteria ou qualquer outra doença ocorria, os doentes eram jogados ao mar.

Uma vez que chegavam ao Novo Mundo, os negros eram negociados por açúcar e melado, para manufaturar o rum, que os navios carregariam à Inglaterra para o pé final de seu "comércio triangular".

John Newton transportou muitas cargas de escravos africanos trazidos à América no século XVIII. No mar, em uma de suas viagens, o navio enfrentou uma enorme tempestade e afundou. Newton ofereceu sua vida a Cristo, achando que ia morrer. Após ter sobrevivido, ele se converteu e começou a estudar para ser pastor.

Nos últimos 43 anos de sua vida ele pregou o evangelho em Olney e em Londres. Em 1782 Newton disse: "Minha memória já quase se foi, mas eu recordo duas coisas: que eu sou um grande pecador, e que Cristo é o meu grande Salvador!".

No túmulo de Newton, lê-se: "John Newton, uma vez um infiel e um libertino, um mercador de escravos na África, foi pela misericórdia de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, perdoado e inspirado à pregar a mesma fé que ele tinha se esforçado muito por destruir".

O seu mais famoso testemunho continua vivo, como o mais famosos das centenas de hinos que escreveu: 

Amazin grace, how sweet the sound
That saved a wretch like me,
I once was lost, but now am found,
Was blind, but now I see.

Ó graça surpreendente...
Como é doce o som que salvou um desventurado como eu.
Eu estava perdido, mas agora Ele me achou, fui cego mas agora vejo.
Sua graça ensinou meu coração temer, e aliviou os meus medos.

"As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos. Porque as suas misericórias não tem fim, renova-se a cada manhã." Eclesiastes 3: 22-23.

John  Newton negociava "nossos irmãos negros" trocando-os por mercadorias. Mas Deus mandou uma tempestade, permitiu que o navio afundasse, mas a misericórdia de Deus se estende até as furiosas ondas no mar e salvou John Newton. Essa misericórdia ele chamou de: "Amazing Grace" = Graça Maravilhosa, porque salvou sua vida como maldoso traficante negreiro.

Ecos da Liberdade - O Caminho de Volta para Casa - Mario Hort.

segunda-feira, novembro 19, 2012

Plano de Leitura da Bíblia

Olá queridos leitores. 

Hoje venho falar de algo que não é nem um pouco confortável para nós Cristãos. 

Assistindo a TV neste final de semana, trocando de canal, parei no programa do Silas Malafaia ... Ele estava falando sobre uma Bíblia de estudos desenvolvida para a leitura em 1 ano.

Fui surpreendida com uma observação importante que o pastor fez, algo que é natural, que costumamos ouvir e repetir sem pensar muito profundamente. ele disse: "Se acreditamos e pregamos que a Bíblia é a Palavra de Deus, nossa única regra de fé e prática, porque é que muitos Cristãos, mesmo os que cresceram na igreja, vergonhosamente não leram a Bíblia inteira nenhuma única vez?"

Se realmente cremos no que pregamos, devemos no mínimo ter lido uma vez a Bíblia inteira!

Vergonhosamente assumo, sou de Cristo desde meus 1 ano e meio, e não li a Bíblia Sagrada, a Palavra de Deus uma única vez!

Quando ouvi isso, foi como se eu tivesse levado um soco no estômago!

Pensei, é comigo isso!

Sim, é comigo isso, mas não só comigo, é com você também!

O pastor Silas Malafaia não foi levado a falar isso em rede nacional porque apenas eu, vergonhosamente não li uma única vez se quer a Palavra de Deus completa, mas porque uma pesquisa demonstra que muitos Cristãos o fazem também!

Então, depois desse puxão de orelha em rede nacional, eu fiquei incomodada ... e tomei uma decisão!

Eu tenho certeza absoluta em meu coração que a Bíblia inteira, completa, todos os versículos, capítulos, livros que nela contem são a Palavra de Deus! 

Professo que ela é minha única regra de fé e prática! 

"A tua palavra é lâmpada que ilumina os meus passos e luz que clareia o meu caminho." Salmos 119:105

E para tanto devo lê-la com todo o amor do meu coração, guardá-la no profundo do meu coração, meditar nela de dia e de noite.

"Não deixe de falar as palavras deste Livro da Lei e de meditar nelas de dia e de noite, para que você cumpra fielmente tudo o que nele está escrito. Só então os seus caminhos prosperarão e você será bem sucedido." Josué 1:8

Sabendo de tudo isso, eu te desafio a ler diariamente a Palavra de Deus!!!

Seguem alguns Planos de Leitura que acho interessante compartilhar com vocês!!!

Plano de Leitura em um ano SBB - Modelo 1

Plano de Leitura em um ano SBB - Modelo 2



Alguns sites com mais modelos:

GDicas


EsboçandoIdéias


Que o Senhor vos abençoe.

Priscila Roberta Foresti

Jornada de Esperança

Sinopse

Enquanto Ilene ainda enfrenta a dor da trágica perda de seu marido, um heroico bombeiro da cidade, ela começa a encarar de frente a revolta de seu filho adolescente, Jackson, que sente a falta do pai. Para cuidar do menino problemático, ela pede a ajuda de seu próprio pai, Wyatt, um fazendeiro que vive distante da família. Embora seja um bom homem, Wyatt tem um jeito peculiar de ser - e o neto acaba resistindo às tentativas do avô em ensinar-lhe as virtudes do trabalho e da fé. Gradualmente, eles formam um laço que fará com que Jackson tenha que encontrar uma força interior com a qual nunca sonhou, mas que será primordial para evitar uma nova tragédia familiar.




terça-feira, novembro 13, 2012

Ensina-me - Asaph Borba e Carmélia Tonin - DVD Rastros de Amor


quarta-feira, novembro 07, 2012

JESUS CRISTO É O SENHOR!!!


terça-feira, novembro 06, 2012

Cartas para Deus

Sinopse

Uma história inspiradora de esperança e redenção, Cartas Para Deus mostra o que acontece quando a caminhada de fé de um menino vai ao encontro de um homem que busca um propósito – a jornada transformadora resultante desse encontro toca as vidas de todos ao redor deles dois. 

Tyler Doherty (TANNER MAGUIRE) é um garoto extraordinário de oito anos. Cercado por uma família e por uma comunidade cheias de amor e munido pela motivação de sua fé, ele encara uma batalha diária contra o câncer com coragem e graça. Para Tyler, Deus é um companheiro, um professor e um grande amigo por correspondência – as orações de Tyler são feitas em forma de cartas que ele escreve e envia diariamente.

As cartas chegam às mãos de Brady McDaniels (JEFFREY S.S. JOHNSON), um carteiro cheio de problemas que está diante de um grande dilema na vida. À primeira vista, ele fica confuso e sem saber o que fazer com elas. Em seu tempo livre, ele começa a fazer amizade com a família Doherty – chegando a conhecer não apenas Tyler, mas também sua mãe (ROBYN LIVELY), sua avó (MAREE CHEATHAM) e seu irmão Ben (MICHAEL CHRISTOPHER BOLTEN) – que estão tentando permanecer firmes em meio às dúvidas que surgiram com a reviravolta de suas vidas. 

Movido pela coragem de Tyler, Brady se dá conta do que deve fazer com as cartas; uma decisão surpreendente que transformará seu coração e restaurará seus novos amigos e a comunidade – em um ato revigorante de testemunho ao efeito contagiante da fé inabalável do menino contra as adversidades. 

Baseado em uma história real, Cartas Para Deus é um filme profundo, comovente e até mesmo divertido sobre o efeito reanimador que a fé de uma criança pode ter na família, nos amigos e na comunidade.