sexta-feira, agosto 22, 2014

Tudo me é lícito mas será que tudo me convém?

Tudo me é permitido", mas nem tudo convém. "Tudo me é permitido", mas eu não deixarei que nada domine. 1 Coríntios 6:12

Quantas vezes ouvimos este versículo tanto para apoiar ou tapar pecados com a peneira?

Este versículo é muito utilizado por quem está aprontando alguma, e quer garantir o seu lado dizendo que tudo é lícito  ... Realmente a Bíblia diz que tudo nos é lícito, MAS nem tudo nos convém!

Assim como o Senhor colocou a árvore do conhecimento do bem e do mal no jardim do Éden, e deixou para Adão o aviso: "se comerdes desta árvore certamente morrerás", não houve a colocação de cerca de arame farpado, ou cerca elétrica, alarme, animais selvagens guardando a árvore ... NÃO, o Senhor deixou o poder de escolha ao homem, porém deixando-o ciente que se comesse do fruto daquela árvore certamente morreria...

Assim também cabe a nós a responsabilidade sobre as escolhas diárias que fazemos ... Tudo me é lícito, MAS nem tudo me convém!

E então você pode me perguntar, mas o que me convém então???

Convém que tendo aceitado a Jesus como único e suficiente Salvador, se arrependido de seus maus caminhos e se comprometido a viver para Ele, o Espírito Santo que então passa a nos habitar irá sempre nos indicar se estamos "quentes" ou "frios" no caminho que escolhermos.

Para que este fio condutor entre a Vontade de Deus para nossas vidas esteja ligado, é preciso que tenhamos uma relação profunda com o Senhor ... 

E aí vem outra pergunta ... Mas como podemos manter este relacionamento profundo com Deus????

Simplesmente se alimentando diariamente da Palavra de Deus que é a Bíblia e estando em constante comunhão com Ele mediante a oração e obediência ao Senhor. 

Quando vivemos para a Glória de Deus fica muito mais claro reconhecer o que é lícito e o que realmente convém!

Fiquem com Deus e que Ele os abençoe!

Texto baseado na leitura de 1 Coríntios 6.

Priscila Roberta Foresti - 22/08/2014

sexta-feira, agosto 15, 2014

OS PERIGOS DO OUTRO EVANGELHO

“Admira-me que estejais passando tão depressa daquele que vos chamou na graça de Cristo para outro evangelho” 
Gl 1.6

Nos dias do apóstolo Paulo os judaizantes, da seita dos fariseus, estavam perturbando a igreja e pervertendo o evangelho, dizendo para os gentios que se eles não guardassem a lei de Moisés e não fossem circuncidados, jamais poderiam ser salvos. Com isso, estavam acrescentando à obra de Cristo na cruz, obras da lei como condição indispensável para a salvação. Estavam negando que só a fé em Cristo fosse suficiente para a salvação.

Estavam mudando a essência do evangelho e por isso, pervertendo-o. Ainda hoje, muitos estão pregando outro evangelho, um evangelho sem cruz, sem necessidade de arrependimento, sem novo nascimento, sem salvação. Muitos pregam sobre prosperidade e não sobra a graça de Deus. Outros pregam supostos milagres e não Cristo e este crucificado. Há aqueles que pregam autoajuda e não ajuda do alto. Muitos pregam si mesmos e não Cristo Jesus. 

Esse outro evangelho, embora popular, é ineficaz para a salvação. Agrada os ouvintes, mas não é poderoso para salvá-los. Atrai multidões, mas mantêm-nas na escravidão de seus pecados. Este outro evangelho não é evangelho. É um engodo, uma mentira, uma falsificação perigosa. É tempo de voltarmos ao evangelho, o evangelho da graça, o evangelho da salvação pela fé em Cristo Jesus.

Referência para leitura: Gálatas 1.1-24

Extraído - Cada Dia

sexta-feira, agosto 08, 2014

Vale de ossos secos - Ezequiel 37

Que coisa grandiosa é ler Ezequiel 37 e pelos olhos da fé contemplar as maravilhas do Senhor!

Quantas vezes li este texto, ou cantei a música baseada nele e fiquei imaginando como seria ... então me deparo com este vídeo representando o texto bíblico, e quão estasiada pude ficar em ver!!!

Com este vídeo pude sentir um milésimo do que Ezequiel sentiu neste momento espetacular do agir do Senhor!

Vejam a seguir o vídeo e se deliciem!

quinta-feira, agosto 07, 2014

Verdadeiramente sereis livres!


quarta-feira, agosto 06, 2014

URGÊNCIA DE PREGAR O EVANGELHO

“Então, disseram uns para os outros: Não fazemos bem; este dia é dia de boas-novas, e nós nos calamos...” 
2Rs 7.9

O evangelho é a melhor notícia que o homem pode ouvir. 
É a única notícia que pode lhe dar esperança de salvação. Sem o evangelho o homem perece. Sem as boas-novas de salvação em Cristo os povos permanecem em densas trevas. Sem a oferta da graça os homens permanecem mortos em seus delitos e pecados. O evangelho precisa ser proclamado em sua inteireza, por toda a igreja, em todo o mundo e com senso de urgência.

Precisamos ganhar para Cristo esta geração em nossa própria geração. Se falharmos nesse propósito teremos fracassado fragorosamente. Em tempo de fome em Samaria os sírios eram sua grande ameaça. O profeta Eliseu proclamou abundância de víveres nesse tempo de severa escassez. Muitos zombaram dele. Quatro leprosos que estavam morrendo de fome, disseram: Vamos entrar no acampamento dos sírios. Se eles nos matarem, morremos; se eles nos deixarem viver, viveremos.

Quando entraram, Deus tinha confundido os inimigos e eles haviam fugido, deixando toda a abundante provisão para trás. Os leprosos, ao verem tanta comida, depois de terem se fartado, disseram: “Não fazemos bem; este é dia de boas-novas, e nós nos calamos; se esperarmos até à luz da manhã, seremos tidos por culpados; agora, pois, vamos e o anunciemos à casa do rei”. É tempo de boas-novas!

Referência para leitura: 2 Reis 7.1-20

Extraído Cada Dia

Ele te completa!


terça-feira, agosto 05, 2014

EVANGELHO TODO POR TODA IGREJA

“Entrementes, os que foram dispersos iam por toda parte pregando a palavra” 
At 8.4

No pacto de Lausane, na Suíça, firmou-se uma agenda para a evangelização dos povos com o seguinte lema: “O propósito de Deus é o evangelho todo, por toda a igreja, em todo o mundo”. Cada pessoa chamada para o evangelho é uma pessoa enviada a pregar o evangelho. Cada convertido a Cristo é um missionário de Cristo. A igreja foi chamada do mundo, não para se isolar do mundo, mas para ser testemunha no mundo. A igreja é o sal da terra e não o sal do sal.

A igreja é a luz do mundo. O mundo jaz em trevas, mas as trevas não podem prevalecer contra a luz. A igreja é a agência do reino de Deus na terra para proclamar aos povos o evangelho da graça. Não podemos sonegar esse tesouro aos povos de todo o mundo. Não podemos subtrair parte da mensagem. Não temos o direito de mudar a mensagem. Somos servos da mensagem e não donos dela. 

Somos embaixadores e precisamos ser fiéis ao Soberano Deus que nos comissionou. O evangelho precisa ser pregado não apenas por alguns, mas por todos aqueles que foram transformados pelo poder do Espírito Santo. A igreja que não evangeliza precisa ser evangelizada. A igreja é um corpo missionário ou um campo missionário. O propósito de Deus é o evangelho todo, por toda a igreja, em todo o mundo.

Referência para leitura: Atos 8.1-40

Extraído - Cada Dia 05/08/2014

Luz do Mundo


Clique sobre a imagem para ler o versículo.