segunda-feira, janeiro 04, 2016

Esta é a mensagem ...

Leituras indicadas: Lucas 2:13,14 e Lucas 2:20

"Anjos vieram anunciar. Para os pastores a velar" esta é a letra do hino natalino. Chegaram estes anjos e surpreenderam aqueles homens rudes do campo com a grandiosidade da sua mensagem.

"Glória a Deus nas maiores alturas", foi a expressai usada. Hoje em dia nos aproximamos das pessoas e as saudamos com "Feliz Natal", mas esquecemos que o natal, o natalício deste Menino-Deus sempre será feliz.
O evento por si só já está envolto em felicidade. O louvor dos anjos assim o garante; o "Glória a Deus" é o exprimir de Feliz Natal máximo nas alturas.

Porém, a mensagem angelical costuma continuar com "Feliz Natal e paz na terra". O "Paz na terra" tem sido o diferencial entre o Natal ser ou não feliz no coração da humanidade.

Assim como os pastores, temos ouvido a mensagem dada. Mesmo desprovidos de presentes, luzes coloridas, ceias, guirlandas e outros enfeites, eles disseram "vamos ver os acontecimentos que o Senhor nos tem dado a conhecer". Foram, viram o menino recém-nascido e deram a sua mensagem de alegria a todos os que perto estavam.

E foram os primeiros a sair desejando as boas-novas de "Feliz Natal", glorificando e louvando a Deus por tudo quanto tinham ouvido e visto.

Natal com Jesus sempre será feliz, e a paz na terra uma consequência de aceitá-lo como Senhor e Salvador de nossas vidas.  

Rev. Samuel José de Paula Junior

E o nascimento de Jesus foi assim ...

Leitura indicada: Mateus 1:18-25

"Que estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se ter concebido do Espírito Santo. Então Jose´, seu marido, como era justo, e a não queria infamar, intentou deixá-la secretamente. E projetando ele isto, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, porque o que nela está gerado é do Espírito Santo".

Com obediência e fé, José aceita a ordenança do Senhor.

"E dará à luz um filho e chamarás o seu nome Jesus."

E você José, colocará n'Ele o nome que segue a tradição: JoSé (em hebraico YoSeph) e JeSus (em hebraico YeShua). "Porque Ele salvará o seu povo dos seus pecados."

"Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor, pelo profeta, (Isaías 7:14) que diz; Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho,e (outros irão chamá-lo) chamá-lo-ão pelo nome de Emanuel, que traduzido é: Deus conosco. E José, despertando do sono, fez como o anjo do Senhor lhe ordenara e recebeu a sua mulher; E não a conheceu até que deu à luz seu filho, o primogênito; e pôs-lhe por nome Jesus.
"

Fielmente, José entende e atende a ordem do anho. Recebe a Maria por esposa, acolhe-O como seu filho, e coloca-lhe o nome de Jesus. Um mesclar de obediência, fé e humildade. 

Rev. Samuel José de Paula Junior

É que hoje vos nasceu ...

" [...] é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor." Lucas 2:11

Com esta saudação, o anjo anunciou aos pastores que viviam nos campos a chegada de Jesus. Assim também, saudamos a você ao principiarmos o mês de dezembro com as comemorações da vinda do Menino Deus. O anúncio do anjo que aparentemente simples, nos trás definições únicas e diretamente ligadas a tudo quanto representaria a missão de Jesus Cristo.

Determinou o tempo dizendo: "hoje". Neste exato dia a presença do Salvador, (Mateus 1:21) que tem como significado: o que retira ou se arrisca a perder a própria vida para livrar alguém de uma situação crítica.

Apresentando-nos a função única d'Ele na Trindade Santa: O Pai é Criador, o Filho é Salvador e o Espírito Santo é o Consolador.

Seguidamente o anjo anuncia o Cristo, aquele que era o Messias (João 4:25), o Ungido, o Escolhido. Não era o prenuncio de uma pessoa comum ou até de um mero rei. O anjo evoca nestas palavras, as profecias antigas de Miquéias, Isaías, Joel, promessas que o povo esperava e que agora receberia a notícia com "grande alegria".

Finalmente a mensagem diz: o Senhor (Jeová, Javé ou Deus) presente estava o Deus-Homem (Filipenses 2:7). O Deus que salva, o Deus presente, o Deus entre nós.

E em semelhança a nós, nascido de mulher, ocupando o lugar de servo e "Servo Sofredor" (Isaías 53). Porém, a vida estava n'Ele, e a vida era a luz dos homens.

Rev. Samuel José de Paula Junior